Doutrina Espírita

Loading...

quarta-feira, 16 de abril de 2008

Todo dia é dia de índio...



Há mais de 500 anos, o Brasil era habitado por muitos nativos, calcula-se que eram mais de 1 milhão , divididos em várias tribos. Hoje porém, o país registra menos de 300 mil índios.
O dia 19 de abril, tem o objetivo de resgatar e preservar o que ainda resta da cultura indígena. A data é comemorada desde 1940, quando aconteceu o 1º Congresso Indigenista Interamericano, no México. A Fundação Nacional do Índio ,Funai, criada em 1967.
Entretanto, encontramos muitas pessoas que ainda não respeitam e até discriminam a população indígena, esqueceram das contribuições históricas na formação do nosso país.
Infelizmente, podemos registrar em 19 de abril de 1997, em Brasília, cinco adolescentes queimaram vivo o índio pataxó Galdino Jesus.
O que está faltando em nossa sociedade? Creio que conscientização, limites, respeito e uma educação mais valorizada por parte dos governantes, pois só assim conseguiremos construir uma sociedade mais humana, igualitária e justa.
O cantor Jorge Ben Jor, escreveu uma música homenageando os índios e também criticando o esquecimento da cultura do povo nativo, ele coloca que todo dia é dia de índio, porém isso não ocorre, como em outras situações em nosso país. Por isso a necessidade de ter uma data para
que possamos lembrar e valorizar a cultura indígena. Assim, o cantor escreveu que agora ele só tem o dia 19 de abril...
Infelizmente, isso é parte do retrato brasileiro. Povo sem história é povo sem cultura e país sem progresso ...
Como professora venho trabalhando,assim como minhas colegas, na conscientização e na valorização do ensino e também na igualdade e na inclusão social com nossos alunos.
Sabemos que esta missão não é fácil, mas é o nosso papel como educadoras e cidadãs brasileiras.
Se cada brasileiro fizer a sua parte... um dia quem sabe... nossos netos, bisnetos...colherão os frutos...

Não deixemos de sonhar!

LUCIARA.

Nenhum comentário: